Make your own free website on Tripod.com
SINDMUSI- PB
Sindicato dos Músicos Profissionais
e Afins do Estado da Paraíba

 

DEVERES

 

RELAÇÕES PESSOAIS COM O CONTRATANTE

 

A- DEVE O MÚSICO

  1. Evitar que o contratante pratique atos reprovados por este código. Se o contratante persistir na prática de tais atos, terá o músico motivo fundado para desistir do contrato.
  2. Não aceitar que o contratante opine em questões de técnica musical.
  3. Dar ao contratante, quando este o solicitar,ou logo que concluído serviço, contas pormenorizadas do que foi despendido, se for o caso. Não é permitido reter documentos, nem quaisquer garantias, bens, valores ou compensá-los fora dos casos legais.
  4. Indenizar prontamente prejuízo que causar, por negligência, erro inescusável ou dolo.

B- É DEFESO DO MÚSICO

  1. Desrespeitar, em serviço, a outro colega.

  2. Desrespeitar o regente ou diretor, quando este se encontra à frente do conjunto de que fizer parte.

  3. Usar linguagem incompatível com a função, quando nela se encontrar.

  4. Adquirir instrumentos de colegas, se perceber que ele se encontre em dificuldade financeira e não possua outro semelhante.

  5. Aceitar alunos de uma especialidade que não seja a sua.

  6. Usar títulos que não possua.

  7. Aliciar para o seu estabelecimento, ou para si particularmente, alunos que pertençam à outro estabelecimento ou professor.

  8. Acumpliciar-se, de qualquer forma, com os que exercerem ilegalmente a profissão de Músico.

  9. Praticar quaisquer atos de concorrência desleal com os colegas de profissão.

  10. Deixar de comparecer, injustificadamente, à função para a qual estiver contratado, individual ou coletivamente.

  11. Fazer-se substituir, por iniciativa própria, na função para a qual estiver sido contratado, a fim de auferir maiores proventos.